EDITAIS - FARMACOLOGIA

 

 

Instituto de Ciências Biomédicas

 

Edital ICB.ATAC.15/2015

 

 

 

Abertura de Concurso para Provimento de 1 (um) cargo de Professor Titular, em RDIDP, junto ao Departamento de Farmacologia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

 

 

Publicado no Diário Oficial do Estado, dia 05/11/2015  - Seção I - Pág. 210

 

Data de Encerramento das inscrições, 02 de maio de 2016

 

 

 

O Diretor do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Cidade Universitária “Armando de Salles de Oliveira”, Av. Prof. Lineu Prestes, 2.415, torna público a todos os interessados que, de acordo com o decidido pela Congregação em sua 370a. Sessão Ordinária, realizada em 29 de outubro de 2015, estarão abertas, pelo prazo de 180(cento e oitenta) dias, a contar da primeira publicação deste edital, das 10 às 12 e das 14 às 16 horas, de 2ª a 6ª.  feira, as inscrições ao concurso público de títulos e provas para provimento de 1 (um) cargo de Professor Titular, em RDIDP (Regime de Dedicação Integral à Docência e à Pesquisa), referência MS-6, cargo/claro de nº 167630, no Departamento de Farmacologia, na vaga decorrente da aposentadoria da Professora Doutora Zuleica Bruno Fortes, com salário de R$ 15.400,48 (quinze mil e quatrocentos reais e quarenta e oito centavos), para a área de conhecimento em Farmacologia Geral, nos termos do Regimento Geral da USP e o Regimento Interno do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, e o respectivo programa que segue:

 

Programa de Farmacologia Geral

 

- Farmacocinética.

 

- Farmacodinâmica.

 

- Farmacologia do Sistema Nervoso Autônomo e Junção Neuromuscular.

 

- Farmacologia do Sistema Nervoso Central.

 

- Farmacologia Cardiovascular e Renal.

 

- Antiinflamatórios, Fármacos quimioterápicos.

 

- Imunofarmacologia.

 

- Farmacogenômica.

 

- Nanofarmacologia.

 

- Fármacos que atuam no sistema digestório.

 

- Fármacos que atuam no metabolismo ósseo.

 

- Fármacos endócrinos.

 

- Fármacos que atuam na musculatura lisa.

 

 

 

O concurso será regido pelo disposto no Estatuto e no Regimento Geral da Universidade de São Paulo e Regimento do Instituto de Ciências Biomédicas.

 

1. As inscrições serão feitas na Assistência Acadêmica do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira”, Av. Prof. Lineu Prestes, 2.415, CEP: 05508-900, São Paulo, Brasil, devendo o candidato apresentar requerimento dirigido ao Diretor do Instituto de Ciências Biomédicas, contendo dados pessoais e área de conhecimento do Departamento a que concorre, acompanhado dos seguintes documentos:

 

  1.           I.    – memorial circunstanciado, em dez cópias, no qual sejam comprovados os trabalhos publicados, as atividades realizadas pertinentes ao concurso e as demais informações que permitam avaliação de seus méritos;
  2.         II.    – prova de que é portador do título de livre-docente outorgado pela USP ou por ela reconhecido;
  3.        III.    – prova de quitação com o serviço militar para candidatos do sexo masculino;
  4.       IV.    – título de eleitor e comprovante de votação da última eleição, prova de pagamento da respectiva multa e a devida justificativa;
  5.        V.    – documento de identidade.

 

Parágrafo Primeiro: Os docentes em exercício na USP serão dispensados das exigências referidas nos incisos III e IV, desde que as tenham cumprido por ocasião de seu contrato inicial.

 

Parágrafo Segundo: Os candidatos estrangeiros serão dispensados das exigências dos incisos III e IV, devendo apresentar cópia de visto temporário ou permanente, que faculte o exercício de atividade remunerada no Brasil.

 

Parágrafo Terceiro: Caso o candidato não satisfaça a exigência do inciso II e desde que não pertença a nenhuma categoria docente da USP, poderá requerer sua inscrição como especialista de reconhecido valor, nos termos do art. 80, § 1º do Estatuto, o que dependerá da aprovação de dois terços dos membros da Congregação.

 

Parágrafo Quarto: No ato da inscrição, os candidatos deverão entregar a documentação comprobatória dos itens constante do memorial, acondicionada em pastas, com indicação dos números dos documentos contidos em cada uma delas, juntamente com uma lista dos referidos documentos.

 

 

 

2. As inscrições serão julgadas pela Congregação, em seu aspecto formal, publicando-se a decisão em edital.

 

Parágrafo Único: O concurso deverá realizar-se após a aceitação da inscrição, no prazo de trinta a cento e oitenta dias, após a aprovação das inscrições, segundo prevê o art. 151, § 2º, RG.

 

 

 

3. As provas constarão de:

 

I – julgamento dos títulos, peso [6];

 

II – prova pública oral de erudição, peso [2];

 

III – prova pública de arguição, peso [2].

 

 

 

4. O julgamento dos títulos, expresso mediante nota global, deverá refletir o mérito do candidato como resultado da apreciação do conjunto e regularidade de suas atividades, compreendendo:

 

I - produção científica, literária, filosófica ou artística;

 

II - atividade didática universitária;

 

III - atividades profissionais, ou outras, quando for o caso;

 

IV - atividade de formação e orientação de discípulos;

 

V - atividades relacionadas à prestação de serviços à comunidade;

 

VI - diplomas e dignidades universitárias.

 

Parágrafo Único: No julgamento dos títulos deverão prevalecer as atividades desempenhadas nos cinco anos anteriores à inscrição.

 

 

 

5. A prova pública oral de erudição será realizada de acordo com o Programa previsto neste edital, competindo à Comissão Julgadora decidir se o tema escolhido pelo candidato é pertinente ao Programa, de acordo com os artigos 156 e 158 do Regimento Geral.

 

 

 

6. Na prova de arguição caberá a cada examinador trinta minutos para apresentar suas questões e igual tempo ao candidato para as respostas.

 

Parágrafo Único: Para a realização da prova, os membros da comissão examinadora, poderão apresentar questões sobre os trabalhos publicados, preferencialmente nos últimos cinco anos antes do concurso e referidos no memorial do candidato, ou sobre problemas científicos relativos à matéria em concurso ou sobre a problemática universitária em seus aspectos fisiológicos e doutrinários

 

 

 

7. O ingresso do docente em RDIDP é condicionado à aprovação pela CERT, na forma da Resolução 3533/89 e demais disposições regimentais aplicáveis.

 

 

 

Maiores informações bem como as normas pertinentes ao concurso encontram-se à disposição dos interessados na Assistência Acadêmica do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, no endereço acima citado, na Home Page: http://www.icb.usp.br/~svacadem/academico/index.php?option=com_content&view=article&id=81&Itemid=171

 

 ou através do e-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it., pelo telefone (0xx11) 3091-7395.

 

 _____________________________________________________________________________________________________________________

Edital ICB.ATAC.08/2015

 

CONCURSO PARA PROVIMENTO DE 1 (UM) CARGO DE PROFESSOR DOUTOR, EM RDIDP, JUNTO AO DEPARTAMENTO DE FARMACOLOGIA DO INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

 

 

Publicado no Diário Oficial do Estado, dia 25/06/2015, Seção I, Pág. 154

 

Data de Encerramento das inscrições, 22 de setembro de 2015.

 

O Diretor do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Cidade Universitária “Armando de Salles de Oliveira”, Av. Prof. Lineu Prestes, 2.415, torna público a todos os interessados que, de acordo com o decidido pela Congregação em sua 367ª Reunião Ordinária, realizada em 24 de junho de 2015, estarão abertas, pelo prazo de 90 (noventa) dias, a contar da data da primeira publicação deste Edital, as inscrições ao concurso público de títulos e provas para o provimento de (01) um cargo de Professor Doutor, em RDIDP, referência MS-3.1, junto ao Departamento de  Farmacologia, com salário de R$ 10.049,62 (dez mil, quarenta e nove reais e sessenta e dois centavos), referente ao cargo de no 1099124 e claro no 377406, com base no programa da Área de Antineoplásicos, que se regerá pelos artigos 132 a 148 do Regimento Geral e disposições estatutárias pertinentes.

 

1. As inscrições serão feitas, no horário das 9 às 12 e das 14 às 16 horas, durante todos os dias úteis, exceto aos sábados, na Assistência Acadêmica do Instituto de Ciências Biomédicas - Edifício Biomédicas III da Universidade de São Paulo, Cidade Universitária Armando de Salles Oliveira, Av. Prof. Lineu Prestes, 2.415, CEP.: 05508-900, São Paulo, Brasil, no local os candidatos deverão apresentar:

 

I - requerimento para a inscrição, em duas vias, endereçado ao Diretor do Instituto de Ciências Biomédicas/USP, contendo dados pessoais, endereço, telefone, endereços eletrônicos, facilitando contatos posteriores.

 

II - memorial circunstanciado com inclusão do projeto de pesquisa, em dez cópias, no qual sejam comprovados os trabalhos publicados, as atividades realizadas pertinentes ao concurso e as demais informações que permitam avaliação de seus méritos;

 

III - prova de que é portador do título de Doutor outorgado pela USP, por ela reconhecido ou de validade nacional;

 

IV - candidato cujo título de Doutor tenha sido obtido no exterior e não tenha validade nacional ou não seja reconhecido pela USP deverá, no ato da inscrição, formalizar a solicitação de equivalência no âmbito da USP;

 

V - documento de identidade;

 

VI - prova de quitação com o serviço militar para candidatos do sexo masculino;

 

VII - título de eleitor e comprovante de votação da última eleição, prova de pagamento da respectiva multa ou a devida justificativa.

 

Obs.: Na inscrição por via postal, deverão ser atendidas as seguintes condições: Os documentos exigidos no presente edital deverão ser enviados via Serviço Expresso de Entrega de Documentos para o Instituto de Ciências Biomédicas – Assistência Acadêmica (Ref. Concurso para Professor Doutor - Edital ICB.ATAC.08/2015), Avenida Lineu Prestes, 2415, Edifício Biomédicas III, Cidade Universitária "Armando de Salles Oliveira", Butantã, São Paulo, SP, BR, CEP. 05508-900. A data da postagem deverá ser até o último dia de inscrição. As inscrições com data de postagem posterior ao último dia de inscrição não serão aceitas.

  

§ 1o.: Os docentes em exercício na USP serão dispensados das exigências referidas nos incisos VI e VII, desde que as tenham cumprido por ocasião de seu contrato inicial.

 

§ 2o.: Os candidatos estrangeiros serão dispensados das exigências dos incisos VI e VII, devendo apresentar cópia das páginas de identificação do passaporte.

 

§ 3o.: O candidato estrangeiro aprovado no concurso e indicado para o preenchimento do cargo só poderá tomar posse se apresentar visto temporário ou permanente, que faculte o exercício de atividade remunerada no Brasil.

 

§ 4o.: No ato da inscrição, os candidatos deverão entregar a documentação comprobatória do Memorial, em 1 via, acondicionada em pastas, com indicação dos números dos documentos contidos em cada uma delas, juntamente com uma lista dos referidos documentos.

 

§ 5o.: No ato da inscrição, o candidato poderá manifestar por escrito a intenção de realizar as provas, na língua inglesa, nos termos do § 8º do artigo135 do Regimento Geral. Os conteúdos das provas realizadas nas línguas inglesa e portuguesa serão idênticos.

 

§ 6o.: Caso o candidato que realizou a prova em língua estrangeira seja indicado, é expectativa do Instituto de Ciências Biomédicas que o mesmo se torne fluente em português em no máximo dois anos.

 

§ 7o.: O candidato portador de necessidades especiais deverá apresentar, no ato da inscrição, solicitação para que sejam providenciadas as condições necessárias para a realização das provas.

 

 2. As inscrições serão julgadas pela Congregação, em seu aspecto formal, publicando-se a decisão em edital.

 

§ 1o.: O concurso deverá ser realizado no prazo de 30 (trinta) a 120 (cento e vinte) dias, após a aprovação das inscrições, de acordo com o Artigo 134, § único, RG.

 

§ 2o.: Os candidatos deverão obrigatoriamente acompanhar a todos os avisos referentes às atividades e exigências do concurso através de publicação no Diário Oficial do Estado.

 

3. As provas deste concurso serão realizadas em duas fases, sendo a primeira, eliminatória, constituída por uma prova escrita.

 

§ 1o.: O candidato, que obtiver na prova escrita nota menor do que 7,0 (sete), da maioria dos membros da Comissão Julgadora, estará eliminado do concurso.

 

§ 2o.: A Comissão Julgadora apresentará em sessão pública, as notas recebidas pelos candidatos na prova escrita eliminatória.

 

4. A prova escrita que versará sobre o programa da área base do concurso, será realizada de acordo com o disposto no artigo 139 e seu parágrafo único do Regimento Geral da USP:

 

I. a comissão organizará uma lista de dez pontos, com base no programa do concurso e dela dará conhecimento aos candidatos, vinte e quatro horas antes do sorteio do ponto;

 

II.  sorteado o ponto, inicia-se o prazo improrrogável de cinco horas de duração da prova;

 

III. após o início da prova, não será permitido em hipótese alguma, o ingresso de candidatos retardatários no recinto da prova, qualquer que seja o motivo do atraso;

 

IV. durante sessenta minutos, após o sorteio, será permitida a consulta a livros, periódicos e outros documentos bibliográficos de uso público, não em meio eletrônico, que o candidato tiver levado para o local da prova, do qual não lhe será permitido ausentar-se durante esse período;

 

V. as anotações efetuadas durante o período de consulta poderão ser utilizadas no decorrer da prova, devendo ser feitas em papel rubricado pela Comissão e anexadas ao texto final;

 

VI. a prova, que será lida em sessão pública pelo candidato, deverá ser reproduzida em cópias que serão entregues aos membros da Comissão Julgadora, ao se abrir a sessão;

 

VII. cada prova será avaliada pelos membros da Comissão Julgadora, individualmente.

 

§ Único: O candidato poderá propor a substituição de pontos, imediatamente após tomar conhecimento de seus enunciados, se entender que não pertencem ao programa do concurso, cabendo à Comissão Julgadora decidir, de plano, sobre a procedência da alegação.

 

5. Os candidatos aprovados na prova escrita farão a segunda fase do concurso, que será constituída por:

 

I. julgamento do memorial com prova pública de arguição (peso 5);

 

II. prova didática (peso 3).

 

§ Único - A nota obtida pelo candidato aprovado na prova escrita irá compor a média final da segunda fase, com peso 2.

 

6. O julgamento do memorial, expresso mediante nota global, incluindo arguição e avaliação, deverá refletir o mérito do candidato e será feito segundo o disposto no artigo 136 do Regimento Geral, valorizando-se a qualidade da atividade docente universitária, os títulos universitários,  bem como a produção científica medida pela publicação de trabalhos, ministração de conferências, participação em simpósios e mesas redondas, orientação de estudantes e capacidade de obtenção de financiamento para viabilizar o trabalho de pesquisa. Os candidatos devem demonstrar potencial para desenvolver pesquisa, de forma independente e em nível de excelência. 

 

7. A prova didática será pública, com a duração mínima de 40 (quarenta) e máxima, de 60 (sessenta) minutos, e versará sobre o programa da área base do concurso.

 

§ 1o.: A comissão julgadora, com base no programa do concurso, organizará uma lista de dez pontos, da qual os candidatos tomarão conhecimento, imediatamente antes do sorteio do ponto;

 

§ 2o.: O sorteio do ponto será feito 24 horas antes da realização da prova didática.

 

§ 3o.: O candidato poderá utilizar o material didático que julgar necessário.

 

§ 4o.: Se o número de candidatos o exigir, eles serão divididos em grupos de no máximo três, observada a ordem de inscrição, para fins de sorteio e realização da prova.

 

§ 5o.: O candidato poderá propor substituição dos pontos, imediatamente após tomar conhecimento de seus enunciados, se entender que não pertencem ao programa do concurso, cabendo à comissão julgadora decidir, de plano, sobre a procedência da alegação.

 

8. O Programa de Antineoplásicos, área base do concurso, é o seguinte:

 

- Biologia da célula tumoral

 

- Mecanismos celulares: proliferação celular, apoptose e necrose

 

- Princípios gerais de ação dos antineoplásicos

 

- Agentes Alquilantes

 

- Antimetabólicos

 

- Alcalóides Vegetais

 

- Antibióticos antitumorais

 

- Inibidores de tirosinaquinases

 

- Anticorpos humanizados

 

- Imunoterapia do câncer

 

9. O ingresso do docente em RDIDP é condicionado à aprovação da CERT, na forma da Resolução 3533/89 e demais disposições regimentais aplicáveis.

 

10. O concurso terá validade imediata exaurindo-se com a nomeação do candidato aprovado.

 
Maiores informações bem como as normas pertinentes ao concurso encontram-se à disposição dos interessados na Assistência Acadêmica do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, no endereço acima citado, na Home Page http://www.icb.usp.br/~svacadem/academico/index.php?option=com_content&view=article&id=81&Itemid=171 ou através do e-mail This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. pelo telefone (0xx11) 3091-7395. 

 


 

Instituto de Ciências Biomédicas

 

Edital ICB.ATAC.06/2014

 

 

 

Abertura de Concurso para Provimento de 1 (um) Cargo de Professor Titular, em RDIDP, junto ao Departamento de Farmacologia do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

 

 

 

Publicado no Diário Oficial do Estado, dia 27/02/2014  - Seção I, Pág. 181

 

Data de Encerramento das inscrições, 25 de agosto de 2014

 

 

 

O Diretor do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Cidade Universitária “Armando de Salles de Oliveira”, Av. Prof. Lineu Prestes, 2.415, torna público a todos os interessados que, de acordo com o decidido pela Congregação em sua 353a. Sessão Ordinária, realizada em 26 de fevereiro de 2014, estarão abertas, pelo prazo de 180(cento e oitenta) dias, a contar da primeira publicação deste edital, das 10 às 12 e das 14 às 16 horas, de 2ª a 6ª.  feira, as inscrições ao concurso público de títulos e provas para provimento de 1 (um) cargo de Professor Titular, em RDIDP (Regime de Dedicação Integral à Docência e à Pesquisa), referência MS-6, cargo/claro de nº 167630, no Departamento de Farmacologia, na vaga decorrente da aposentadoria da Professora Doutora Zuleica Bruno Fortes, com salário de R$ 13.653,62 (treze mil seiscentos e cinquenta e três reais e sessenta e dois centavos), para a área de conhecimento em Farmacologia Geral, nos termos do Regimento Geral da USP e o Regimento Interno do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, e o respectivo programa que segue:

 

Programa de Farmacologia Geral

 

- Farmacocinética.

 

- Farmacodinâmica.

 

- Farmacologia do Sistema Nervoso Autônomo e Junção Neuromuscular.

 

- Farmacologia do Sistema Nervoso Central.

 

- Farmacologia Cardiovascular e Renal.

 

- Antiinflamatórios, Fármacos quimioterápicos.

 

- Imunofarmacologia.

 

- Farmacogenômica.

 

- Nanofarmacologia.

 

- Fármacos que atuam no sistema digestório.

 

- Fármacos que atuam no metabolismo ósseo.

 

- Fármacos endócrinos.

 

- Fármacos que atuam na musculatura lisa.

 

 

 

O concurso será regido pelo disposto no Estatuto e no Regimento Geral da Universidade de São Paulo e Regimento do Instituto de Ciências Biomédicas.

 

1. As inscrições serão feitas na Assistência Acadêmica do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira”, Av. Prof. Lineu Prestes, 2.415, CEP: 05508-900, São Paulo, Brasil, devendo o candidato apresentar requerimento dirigido ao Diretor do Instituto de Ciências Biomédicas, contendo dados pessoais e área de conhecimento (especialidade) do Departamento a que concorre, acompanhado dos seguintes documentos:

 

          I.    – memorial circunstanciado, em dez cópias, no qual sejam comprovados os trabalhos publicados, as atividades realizadas pertinentes ao concurso e as demais informações que permitam avaliação de seus méritos;

 

        II.    – prova de que é portador do título de livre-docente outorgado pela USP ou por ela reconhecido;

 

       III.    – prova de quitação com o serviço militar para candidatos do sexo masculino;

 

      IV.    – título de eleitor e comprovante de votação da última eleição, prova de pagamento da respectiva multa e a devida justificativa;

 

       V.    – documento de identidade.

 

Parágrafo Primeiro: Os docentes em exercício na USP serão dispensados das exigências referidas nos incisos III e IV, desde que as tenham cumprido por ocasião de seu contrato inicial.

 

Parágrafo Segundo: Os candidatos estrangeiros serão dispensados das exigências dos incisos III e IV, devendo apresentar cópia de visto temporário ou permanente, que faculte o exercício de atividade remunerada no Brasil.

 

Parágrafo Terceiro: Caso o candidato não satisfaça a exigência do inciso II e desde que não pertença a nenhuma categoria docente da USP, poderá requerer sua inscrição como especialista de reconhecido valor, nos termos do art. 80, § 1º do Estatuto, o que dependerá da aprovação de dois terços dos membros da Congregação.

 

Parágrafo Quarto: No ato da inscrição, os candidatos deverão entregar a documentação comprobatória dos itens constante do memorial, acondicionada em pastas, com indicação dos números dos documentos contidos em cada uma delas, juntamente com uma lista dos referidos documentos.

 

 

 

2. As inscrições serão julgadas pela Congregação, em seu aspecto formal, publicando-se a decisão em edital.

 

Parágrafo Único: O concurso deverá realizar-se após a aceitação da inscrição, no prazo de trinta a cento e oitenta dias, após a aprovação das inscrições, segundo prevê o art. 151, § 2º, RG.

 

 

 

3. As provas constarão de:

 

I – julgamento dos títulos, peso [6];

 

II – prova pública oral de erudição, peso [2];

 

III – prova pública de arguição, peso [2].

 

4. O julgamento dos títulos, expresso mediante nota global, deverá refletir o mérito do candidato como resultado da apreciação do conjunto e regularidade de suas atividades, compreendendo:

 

I - produção científica, literária, filosófica ou artística;

 

II - atividade didática universitária;

 

III - atividades profissionais, ou outras, quando for o caso;

 

IV - atividade de formação e orientação de discípulos;

 

V - atividades relacionadas à prestação de serviços à comunidade;

 

VI - diplomas e dignidades universitárias.

 

Parágrafo Único: No julgamento dos títulos deverão prevalecer as atividades desempenhadas nos cinco anos anteriores à inscrição.

 

5. A prova pública oral de erudição será realizada de acordo com o Programa previsto neste edital, competindo à Comissão Julgadora decidir se o tema escolhido pelo candidato é pertinente ao Programa, de acordo com os artigos 156 e 158 do Regimento Geral.

 

6. Na prova de arguição caberá a cada examinador trinta minutos para apresentar suas questões e igual tempo ao candidato para as respostas.

 

Parágrafo Único: Para a realização da prova, os membros da comissão examinadora, poderão apresentar questões sobre os trabalhos publicados, preferencialmente nos últimos cinco anos antes do concurso e referidos no memorial do candidato, ou sobre problemas científicos relativos à matéria em concurso ou sobre a problemática universitária em seus aspectos fisiológicos e doutrinários

 

7. O ingresso do docente em RDIDP é condicionado à aprovação pela CERT, na forma da Resolução 3533/89 e demais disposições regimentais aplicáveis.

 

Maiores informações bem como as normas pertinentes ao concurso encontram-se à disposição dos interessados na Assistência Acadêmica do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, no endereço acima citado, na Home Page: http://www.icb.usp.br/~svacadem/concursos/Editais/edifar.html ou através do e-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it., pelo telefone (0xx11) 3091-7395.